Análise ergonômica do livro Aprenda a Costurar com vistas para o aperfeiçoamento da aprendizagem da modelagem plana do vestuário.

Fernanda Iervolino

Resumo


Este artigo faz parte da dissertação de mestrado intitulada “41 anos de estudos de modelagem do vestuário: uma proposta de aperfeiçoamento do ensino de modelagem através da usabilidade”, cujo objetivo é verificar, através das heurísticas de Nielsen (1993), quais são as desconformidades ergonômicas do conteúdo apresentado no livro “Aprenda a Costurar”, de Gil Brandão, escrito em 1967. A escolha pela obra que data de mais de quarenta anos justifica-se pelo fato de que até os dias atuais a mesma serve de suporte para o ensino e aprendizagem da modelagem plana do vestuário. A pesquisa se propõe a identificar oportunidades de melhorias no conteúdo do livro em questão com vistas para a usabilidade. No presente trabalho, utiliza-se o método de observação indireta, aplicando-se entrevista semi-estruturada com professores de modelagem como instrumento de coleta de dados. O resultado encontrado revela que o autor apresenta desconformidades ergonômicas nos seus textos, cada uma relativa a um critério de usabilidade.


Palavras-chave


ergonomia; usabilidade; modelagem do vestuário; ensino

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.